quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

E hoje que não somos um
Me pego pensando...
Lembrei do teu gosto por roxo
Postei como fundo do meu celular

domingo, 10 de dezembro de 2017

300 dias +
Opressão
Medo

Fim do ano
Tudo igual

Shoppings
Lotados
Ruas
Lotadas

Avenidas
Decoradas
Corações vazios

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Crescer ia

Você era feliz quando me via 
Aquele dia eu sabia que a gente embarcaria
Esperava um abraço que eu temia

Apertava o braço
E via que naquele colo cabia

Um dia depois, a gente se encontraria
Sorriso de olhos
A alegria

Você me procurava
E eu temia
Que o futuro entre nós crescer ia


quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

E foi atrás de estar sozinho
Encontrou sim solidão
Pois teve tempo pra pensar
E disse que voltaria

Que melhorar ia

Resolveu que
Melhor estaria
Ou se sorriria ao acordar

Pela dor que sentia
Caminhava tarde, noite, dia
Relia amostras de 108 contos
Para o despertar

terça-feira, 5 de dezembro de 2017


Ainda procurando?
Encontrou? 
...Ou, perdeu?
Talvez numa volta, e sem motivo, a gente encontre. 

domingo, 3 de dezembro de 2017

A cor do lado de lá

Domingo tem a cor do lado de lá do rio
Domingo tem esse negócio quente
Domingo arde a cabeça da gente

Quando pequeno eu pensava
Do lado de lá o tempo passa devagar
As ruas são cheias de carro
Não tem como criança brincar

De domingo era ver a vovó 
Tomar sorvete no ponto da frente
Querer voltar pra casa à luz reluzente

Domingo, não pelo desejo do não
Domingo eu voltava a noite
O que tinha pra brincar com os colegas? 

Mas, domingo também era dia de água...
Nos dias de água, era a mesma a cor do domingo? 

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Você vai entender quando ler

É que eu quero que me deixe de uma vez
É que espero acabar com esse castigo
A vida você já seguiu mais de uma vez

Vai saber que a carta é pra você



sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Put a gun
Put a gun
Put a gun

Whaaaat?

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Se o fim dos nossos dias era sobre partilhar amor e simpatia

Eu esquecia, ah
Eu fingia

Se no futuro... Sobre os nossos dias
Se era de viver amor e agonia

Ah, eu fingiria

Se chega a noite e eu nem vejo 3 palavras de alegria

Eu esqueceria...
Sobre(viver) sem abrir mão
É juntar só depois cada caco no chão

Prender o coração
É furar com os cacos as mãos

E ver toda solidão
É ter pena de si sobre tomar decisão

E se vou sobre(viver)
Sei não...

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Behind the murder man
Behind the liar
Behind the boring girl
Behind the wrong man

Always exist a human face that no seems like you want

So, after the anger, the compassion...

terça-feira, 31 de outubro de 2017

Libertar - Quando puder olhar e só rir de felicidade

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

So, if you're stranger...
Come and choke my head

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Não sei qual é o caminho
Não conheço bem o plano

domingo, 24 de setembro de 2017

When I saw the bright in your eyes
So... I understood
Who gave it to you was another guy

sábado, 15 de julho de 2017

'A gente geralmente só sabe o que os outros não são...
Eu sou? Secundário...'

domingo, 28 de maio de 2017

It depends on you
Satisfation is put eight screws on one wall
Just to align your desire to see the stuff on the top

Small things...

sábado, 15 de abril de 2017

A virtual place
A kind of space
Writing in your mind
Only the time you spend

To share
To live
To Go
To Get out

I though I was stronger
But something taked my soul

All pharses don't matter and haven't connection
And they're still beautiful...
When you sing and strum the guitar

Long time no see, stranger...